Por que devemos erradicar o trabalho infantil?

8, novembro de 2017

Detalhes do Evento

  • 20 e 21 de novembro
  • 08h às 20h
  • Campus Boa Vista
  • 2734212104
  • arilda.santos@uvv.br

Nos dias 20 e 21 de novembro, a UVV sediará o seminário “Por que devemos erradicar o trabalho infantil?”. O evento tem como finalidade criar um espaço para o intercâmbio técnico qualificado e estimular a interação e integração de organismos representados por gestores, técnicos, pesquisadores, ONGs/OSCIPs, instituições públicas e privadas, promotores, procuradores, magistrados, operadores de segurança pública, conselheiros tutelares e de Direito, gestores públicos, estudantes e demais atores que atuam na perspectiva dos direitos humanos. Dessa forma poderemos atuar em rede, favorecendo a mobilização e articulação entre os diferentes setores da sociedade em busca da conquista da erradicação do trabalho infantil e proteção do adolescente trabalhador.

Será um momento de grandes aprendizados.

Confira a programação e faça a sua inscrição aqui!

 

DIA 20.11.2017 (SEGUNDA-FEIRA)

 

MESA DE ABERTURA

08:00 às 09:00 – Representantes dos Órgãos e Entidades responsáveis pelo Seminário e convidados.

 

CONFERÊNCIA DE ABERTURA

09:00 às 10:00 – José Roberto Dantas Oliva (Juiz do Trabalho do TRT da 15ª Região/Campinas e gestor nacional do Programa de.Combate ao Trabalho Infantil – PCTI)

 

VIOLAÇÕES DE DIREITOS DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES

Mediador: Fabricio Rosa (Presidente da Comissão de Direitos Humanos da Polícia Rodoviária Federal em Goiás)

 

10:00 às 10:40 – Mariana Dezan Garcia (Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente – DPCA)

10:40 às 11:20 – Carlos Guilherme Figueiredo (Psiquiatra e Diretor da Associação Psiquiátrica de Brasília)

11:20 às 12:00 – perguntas

 

POR QUE DEVEMOS PROTEGER NOSSAS CRIANÇAS?

Mediadora: Dra. Suzane Schulz

 

14:00 às 14:45 – Vladson Couto Bittencourt (Juiz de Direito e Coordenador da Coordenadoria da Infância e da Juventude do TJ/ES)

14:45 às 15:30 – Lara Sardenberg Rosa (Estudante e Representante do Estado do Espírito Santo no Comitê Nacional de Adolescentes pela Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil – CONAPETI)

15:30 às 15:45 – intervalo

15:45 às 16:30 – Vitor Borges (Procurador do Ministério Público do Trabalho no Estado do Rio de Janeiro)

16:30 às 17:15 – Isa Maria de Oliveira (Secretária Executiva do Fórum Nacional de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil – FNPETI)

17:15 às 18:00 – perguntas

 

DIA 21.11.2017 (TERÇA-FEIRA)

O PAPEL DA EDUCAÇÃO, DA APRENDIZAGEM, DAS EMPRESAS E DO SETOR PÚBLICO

Mediador: Dr. Marcos Buzato (Procurador do Ministério Público do Trabalho no Estado do Espírito Santo)

 

08:30 às 09:15 – João Porto (Doutor em Educação e Práticas Educacionais Inclusivas e Coordenador da Educação de Jovens e Adultos do Município da Serra)

09:15 às 10:00 – José Tadeu de Medeiros Lima (Auditor Fiscal do Trabalho de Juiz de Fora-MG)

10:00 às 10:45 – Herta Rodrigues Torres (Diretora de Comunicação e Imagem da ArcelorMittal)

10:45 às 11:30 – Júlio César Pompeu (Secretário de Estado de Direitos Humanos)

11:30 às 12:00 – perguntas

 

O PAPEL DA MÍDIA E DA SOCIEDADE

Mediadora: Maria Angela Rosa Soares (Professora e Socióloga da UVV – Universidade Vila Velha)

 

14:00 às 14:45 – Bruno Dias Franqueira (Coordenador do curso de Comunicação Social – Jornalismo e Publicidade da UVV – Universidade Vila Velha)

14:45 às 15:30 – Galdene Santos (Membro Titular do Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente – CRIAD)

15:30 às 15:45 – perguntas

15:45 às 16:00 – intervalo

 

CONFERÊNCIA DE ENCERRAMENTO

16:00 às 17:00 – Dr. Tiago Ranieri de Oliveira (Procurador-chefe do Ministério Público do Trabalho no Estado de Goiás)